was successfully added to your cart.

 

Quando a fotografia do Céu no momento da nossa nascença divulga a nossa verdadeira identidade… que estranho não é?

Já ouviram falar da Astrologia? Não estou a falar da Astrologia que muitas pessoas possam confundir com tarôt ou outras ferramentas de vidência.

Estou a falar de algo muito mais subtil e ao mesmo tempo palpável; o Mapa Natal!

 

A nossa Des-coberta com o mapa astral

Como o definir exactamente? no Wikipédia, O mapa natal ou mapa astral mostra a posição correta dos astros e dos signos do zodíaco em relação à Terra no momento de nascimento de uma determinada pessoa.

De acordo com a astrologia cabalística, a posição dos astros no momento em que nascemos influencia nossa maneira de ser. As configurações de um Mapa Natal se repetem apenas a cada 26.000 anos, portanto ele é quase como uma impressão digital – não existe um igual ao outro. Para interpretação correta do posicionamento dos planetas e seus aspectos, é necessário consultar um astrólogo.

Fonte: https://pt.wikipedia.org/wiki/Mapa_natal

Quando as mudanças das posições nos falam

Se alguns de vocês seguiram o ano passado os meus posts, podiam ter lido muitos artigos sobre as energias das Luas. Essas Luas as quais nos despertaram e continuam com cada vez mais intensidade. Elas têm uma verdadeira influencia no nosso descobrimento interior e acontecimentos exteriores. Os astros sempre foram algo que me suscitou bastante curiosidade, sempre senti as energias das mudanças de luas ou de posição de planetas. (Não é por nada que nasci num dia de Lua Cheia).

Essas energias falam, contam coisas, evocam os próximos passos a dar, o que esperam de nós, o que despertam em nós… e pessoalmente sempre avancei com essas influencias de energias que me falam tanto, com as quais me sinto tão chegada e ao mesmo tempo tão longe.. ( 384 403 quilómetros entre a Terra e o Astro mais perto”a Lua”… não é assim tão chegado)!

Quando a inspiração torna-se real

Até que algo me inspira para falar e trabalhar sobre o tema da Identidade, da nossa essência. Pois, uma inspiração que sussurra nos ouvidos ” se não sabemos quem realmente somos e o que valemos, não podemos pisar os caminhos os mais verdadeiros e mais autênticos do nosso Ser e neste caso, ser verdadeiro com as nossas próprias vidas”.

Tanta gente que se mintam a eles próprios, que tentam acreditar numa saída, numa porta, numa oportunidade que não tem nada a ver com a própria essência e  inspiração.

Tanta gente que vivem na ilusão,  que não se respeitam, que não conseguem lidar com uma situação porque não se conhecem realmente a eles próprios mas sim ao que querem representar ou tornar-se..

Sim tanta gente com esquecimento da própria Identidade.

Essas influências energéticas fazem-me descobrir o maravilhoso trabalho de Alexandra da página Astros @WorldoftheAstros.

Que revelação!!

A Alexandra astróloga e psicóloga de formação apresenta com uma data e o local de nascença a fotografia do céu nesse momento que “decidiste” chegar à Vida material e descreve precisamente a nossa personalidade, Identidade, os nossos limites, as nossas forças, o nosso propósito de Vida como quem diria, o que realmente estamos neste mundo por fazer, com quais ferramentas posso avançar! Momento maravilhoso com uma nova aprendizagem sobre a magia da Vida.

Aconselho esse tipo de abordagem para as pessoas que se interrogam sobre alguma escolha de Vida Profissional ou Pessoal. Embora a Vida toca sempre à nossa porta para despertar algo… as vezes é difícil interpretar esses sinais. É também útil para as mães que querem aprofundar o conhecimento, as forças, os limites dos próprios filhos e trabalhar nesse sentido;  pode ser interessante.

Partilhei este mês na página Facebook  a vídeo-conferencia da Alexandra sobre o tema da Identidade no qual ela fala do tema bem como a influencia do posicionamento dos planetas nas nossas Vidas é por aqui

 

Que a vida não pare de acompanhar-vos no auto-conhecimento…

Good Vibes

Leave a Reply